[Resenha] A Filha da Minha Mãe e Eu

“Quando vi as duas listras azuis no teste de gravidez, tive uma certeza: preciso me sentir filha antes de me tornar mãe. Porque uma parte da minha alegria era inventada e, a outra, não era minha.

Lendo o resultado do exame, enquanto meu sorriso ganhava vida própria, o primeiro pensamento que tomou conta de mim foi ‘com meu filho vai ser diferente’. Esses eram, no mínimo, sentimentos conflitantes e eu não podia mais ignorar isso. Eu tinha que fazer as pazes com a minha história.”

Ao ver o resultado positivo de seu teste de gravidez, Mariana imediatamente começa a repensar seu difícil relacionamento com Helena, sua dedicada e severa mãe.

A partir daí, as lembranças familiares, contadas com uma sensibilidade tocante, começam na infância e seguem pela vida afora, retratando a convivência da garota com Helena; o pai, Tito, e o irmão, Guga.

Os bons e maus momentos da família, assim como as inseguranças, os sobressaltos e as primeiras paixões de mariana, são recordados com simplicidade e sentimento. Pequenos fatos são dissecados com maestria e profundidade.

Maduro, psicológico, A Filha da Minha Mãe e Eu é um livro que fala com propriedade desse tema tão rico, e ao mesmo tempo tão delicado, que é o relacionamento entre mãe e filhos.

Toda relação, mesmo entre pais e filhos, é uma via de mão dupla na qual se ensina na mesma medida em que se aprende. – Sinopse.



No começo eu não gostei da leitura, achei a escrita simples e até um pouco “infantil” demais, mas é compreensível se considerarmos que são as lembranças de Mariana de quando ela era uma criança pequena. 



Depois não sei se foi a escrita que mudou ou se fui eu quem se acostumou com ela, mas já não estava mais me incomodando e eu até curti a leitura. 



Para mim esse livro poderia ter sido excelente, não fosse o excesso de problemas. E é sobre isso que falo um pouco mais no vídeo-resenha de hoje:



Recomendo principalmente para os filhos que não se dão muito bem com os pais! (ou pais que não se dão muito bem com os filhos, também vai ser legal pra vocês o.<)






12 comentários

  1. eu nao conhecia esse livro nao
    mais gostei da resenha me deixou com vontade de ler
    beijos Caprixos Teens

    ResponderExcluir
  2. Um livro conflitante acredito eu, afinal de contas: a relação materna é linda, mas cheia de conturbações.

    Beijos,
    Blog | Youtube

    ResponderExcluir
  3. Eu tenho a maior curiosidade de ler este livro. Acho que o título foi a primeira coisa que me chamou atenção, mas agora conhecendo um pouco da história quero entender tudo o que aconteceu na vida delas.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Não conhecia o livro, mas não tenho interesse em ler sei lá não é meu estilo de leitura.

    ResponderExcluir
  5. Gostei muito do vídeo. A capa desse livro é muito bonita. Acho qie gostatia de ler esse livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada. E sim, a capa é bem bonita mesmo.

      Excluir
  6. Gostei um livro sobre mãe e filha.
    Acho que vou comprar pra dar de presente.
    Não conhecia ainda o livro, perfeito pra mamães de primeira viagem eu acho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ser. A menos que a "mamãe de primeira viagem" já esteja apreensiva, daí eu acho que não kkkkkk

      Excluir
  7. Quando esse livro foi lançado eu não me interessei devido as inúmeras críticas que ele recebeu, e ainda hoje não é uma leitura que me interessa muito, então assisti a sua vídeo resenha inteira. Realmente, desgraça pouca é bobagem pra essa família.

    ResponderExcluir
  8. Esse não gostei muito, apesar da capa ser linda.

    ResponderExcluir